Skip navigation

PT - Segurança

Requisitos do sistema elétrico

O controlador ACC2-3 é alimentado, através de um conetor IEC 320, a partir da alimentação de rede elétrica. As tensões de funcionamento da unidade são as seguintes:

  • 100 V - 240 V ac + 10%, -15%
  • 47 Hz - 66 Hz
  • 50 W

Substituição de fusíveis

Existem dois fusíveis de queima lenta 1 A (T) HBC de 250 V (um sobressalente). O fusível substitui-se da seguinte forma:

  1. Desligue a eletricidade da rede.
  2. Utilize uma chave de fendas para soltar o porta-fusíveis, para surgir o fusível.
  3. Remova o fusível e substitua-o por um de queima lenta 1 A (T) HBC de 250 V com 20 × 5 mm, classificado conforme IEC127.
  4. Substitua o porta-fusíveis.
  5. Ligue novamente a eletricidade da rede.

AVISO: Certifique-se de que apenas são utilizados fusíveis do tipo especificado na substituição. Este equipamento tem de ser ligado a um condutor de aterramento com proteção através de um cabo (linha) da linha elétrica com três fios. A ficha da rede elétrica deverá apenas ser introduzida numa tomada elétrica fornecida com um contacto de aterramento com proteção. O contacto de aterramento com proteção não deverá ser prescindido em favor da utilização de um cabo com extensão sem condutor com proteção.

AVISO: Qualquer interrupção do condutor com proteção poderá tornar o equipamento perigoso. Os requisitos de aterramento têm de ser respeitados escrupulosamente.

Emissão de radiação de infravermelhos

PRODUTO LED DE CLASSE 1

CUIDADO: Este produto utiliza feixes de deteção de infravermelhos. O eixo na parte da frente do feixe da radiação de infravermelhos está orientado com as ranhuras na parte da frente das tampas da porta. Embora seja seguro olhar para o feixe, recomenda-se que o utilizador evite olhar diretamente para o eixo do feixe ou junto à fonte de LED localizada no lado direito da tampa da porta 8.

Technical drawing:  Technical drawing:  ACR1 - infra red light emission - safety image_PT

Avisos

Risco de beliscadura entre as peças em movimento e entre estas e as estáticas. Não segure a cabeça da sonda durante movimentos nem mudanças manuais sonda.

Tenha em atenção movimentos inesperados. O utilizador tem de permanecer afastado das combinações cabeça da sonda/extensão/sonda que estão em pleno funcionamento.

Manuseie e elimine as baterias de acordo com as recomendações do fabricante. Utilize apenas as baterias recomendadas. Evite que os terminais da bateria entrem em contacto com outros objetos metálicos.

Recomenda-se a utilização de proteção ocular em todas as aplicações que envolvam a utilização de ferramentas de máquinas ou o CMM.

Não existem peças operacionais para o utilizador no interior das unidades alimentadas pela rede elétrica da Renishaw. Devolva as unidades com defeito a um centro de assistência ao cliente autorizado Renishaw.

Substitua os fusíveis fundidos por componentes novos do mesmo tipo. Consulte a seção SEGURANÇA da documentação relevante do produto.

Para obter instruções relativamente à limpeza segura dos produtos Renishaw, consulte a secção Manutenção da documentação relevante do produto.

Desligue a alimentação antes de realizar quaisquer operações de manutenção.

Consulte as instruções de operação do fornecedor da máquina.

É da responsabilidade do fornecedor da máquina assegurar que o utilizador tem conhecimento de quaisquer perigos envolvidos no funcionamento, incluindo os mencionados na documentação do produto da Renishaw, e garantir que são fornecidas proteções e bloqueios de segurança.

Em determinadas circunstâncias, o sinal da sonda pode indicar erradamente uma condição de sonda assentada. Não confie nos sinais da sonda para parar o movimento da máquina.

O ACC2-2 é afastado da alimentação ac pelo interruptor da rede elétrica no painel traseiro. Se forem necessários quaisquer outros meios de isolamento, estes têm de ser especificados e equipados pelo fabricante da máquina ou pelo responsável pela instalação do produto. O isolador tem de ser colocado ao alcance do operador do CMM e estar em conformidade com a IEC61010 e com todos os regulamentos de cablagem do país de instalação.